PRF lotam auditório durante AGE

Com o auditório da Superintendência lotado, o Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado de Pernambuco (SINPRF – PE) realizou, na manhã desta quarta – feira (31) uma Assembleia Geral Extraordinária ( AGE). Em pauta, a atuação do Sindicato em Brasília (DF) na luta por uma aposentadoria digna para os PRFs. Além disso, foram feitas explanações sobre as ações judiciais em curso.

O presidente do SINPRF – PE, Edjailson Tavares, apresentou, detalhadamente, o que avançou nas negociações sobre a Reforma da Previdência em prol dos policiais e os bastidores do Congresso Nacional. Para quem ingressou na Corporação, até o momento, foi garantida a integralidade e paridade. O foco agora é o Senado, principalmente porque há rumores de que será apresentada uma PEC Paralela, a qual traria justamente os pontos rejeitados da atual proposta.

Na próxima segunda – feira, uma comitiva do SINPRF – PE viaja, mais uma vez, a Brasília (DF). “Continuaremos lutando e a ideia é garantir novas vitórias no Senado”, conta. Edjailson destacou que o Sindicato não defende bandeiras ou partidos. “Defendemos a categoria e a PEC da forma que está sendo apresentada não é boa para nós”, explica. Sobre questões administrativas, ele aproveitou para anunciar que deverá investir na reforma dos quartos da sede social e deverá ter uma festa para os PRFs no final do ano.

Em seguida, os diretores Siqueira Campos e Tiago Arruda assumiram os encaminhamentos da Assembleia, para tratar das ações impetradas pelo Sindicato e pela FenaPRF. Sobre a ação dos 28, eles destacaram a importância de preencher corretamente o formulário disponível no site da entidade, principalmente quanto ao nome e o endereço. Sobre a ação dos 3,17, já esta sendo paga e sobre a de Licença – prêmio e pecúnia, é preciso avaliar algumas questões, tais como quando entrou na policia, quantas licenças – prêmio tirou. Aproximadamente. 2500 colegas têm direito. A ação é pela FemaPRF e contempla quem se aposentou depois de 1999.

Tiago Arruda encerrou sua participação destacando a participação e comprometimento dos aposentados. O diretor Pedro Cavalcanti ressaltou que a recuperação da sede social será em respeito aos aposentados que clamam pela valorização do espaço para a integração da família PRF. O diretor Siqueira Campos aproveitou a ocasião para avisar que uma nova Assembléia deverá ser realizada para tratar especificamente sobre o assunto.

 

Deixe uma resposta